Jogar por diversão

Para as crianças, jogar é o mais importante e o fazem por mero prazer. Os jogos e as partidas constituem uma parte essencial do treinamento, e as crianças aprendem melhor jogando. O jogo melhora suas habilidades e autonomia, facilita a iniciativa e a tomada de decisão (criatividade) e também melhora o relacionamento com os colegas. Do ponto de vista tático, envolve visão de jogo, princípios básicos de ataque e de defesa.

No entanto, cada sessão de iniciação ao futebol deve incluir um período de jogo livre. O treinador-educador se retira nesse momento e mantém certa distância. Assim, as crianças poderão jogar sem restrição e colocar em prática as habilidades que aprenderam.  

A área de jogo

É importante levar em consideração a dimensão do campo. Este deve ser adaptado à idade, à habilidade e ao número de jogadores. É difícil jogar em um campo pequeno com um grande número de jogadores, pois requer muita habilidade técnica e visão de jogo. Em geral, não se pode presumir que crianças na idade de 6 a 12 anos tenham essas habilidades. Elas têm características diferentes conforme seu desenvolvimento físico e técnico. Por essas razões, nem todos os jogos reduzidos são recomendados para todas as idades.

É importante seguir um desenvolvimento progressivo no qual as crianças começam com partidas reduzidas de futebol de 4 (sem goleiros) e, eventualmente, terminam por jogar o futebol de 9. 

pg62_the_playing_area_por.png

Grassroots

Football for everyone